Protetor solar com cor | Anthelios Air Licium FPS70

Um dos produtos mais importantes para cuidado da pele (mas que o povo não costuma dar muita atenção) é o protetor solar. Como a minha pele é super-mega-ultra sensível, não dá para fugir dele e sempre fico atrás de protetores com cor, porque é uma etapa a menos e não tem desculpa de preguiça, né! Daí resolvi testar por indicação do meu dermatologista o Anthelios Air Licium da La Roche-Posay e vim contar mais pra vocês!

protetor anthelios 1

Primeiro tenho que dizer que com FPS70 ele já é um bloqueador solar, que basicamente bloqueia os raios e dá maior proteção. CLICA AQUI para saber direitinho a diferença entre protetor e bloqueador solar.

Além disso o fato dele ter cor ajuda DEMAIS a acelerar o processo quando estamos naquela correria e queremos nos arrumar rápido sem perder a beleza, né? Vaidade é tudo, meu povo! 😉

Ele cobre bem as olheiras, seca bem rapidinho e não transfere quase nada. Já passei mais de 12 horas com ele no rosto (ok que a proteção já tinha acabado há muito tempo), mas só tinha deixado levemente oleoso e com o papel removi a oleosidade rapidinho sem tirar a base do lugar e manter a cor perfeita.

Sabe aquele produtor que é amor e não sai da sua bolsa? Pois é, esse Anthelios Air Licium é assim agora! E como dura bastante, compensa muito o valor. Paguei pouco menos de 80 reais numa farmácia e se dividir pelos meses que já estou usando, não dá nem 15 reais por mês. Quem paga 15 reais por um bloqueador solar FPS70 e por uma base?! Ninguém, né! Por isso acho que foi um baita investimento e quando acabar vou comprar novamente!

Agora vem ver mais detalhes e como eu aplico no vídeo!

 

Quem mais gosta de protetor com cor? Qual o favorito de vocês?

logo mag

PA nos protetores solares: o que significa?

Todos os protetores e bloqueadores solares contêm a indicação do FPS (Fator de Proteção Solar), que pode variar de 6 à números superiores a 60 (de acordo com a Anvisa, portanto estas regras se resguardam ao Brasil). Mas uma dúvida que eu particularmente sempre tive foi em relação ao PA, que pode aparecer com 1 à 4+, isto é, de PA+ à PA++++.  Depois de pesquisar e pesquisar, resolvi partilhar, pois pode ser dúvida de mais alguém.

O que ocorre é que o índice de FPS serve apenas para proteção dos raios UVB, portanto não se aplica contra os raios UVA. Para quem não lembra a diferença eu explico aqui cada um deles. Pensando nisso foi criado no Japão o método PPD (Persistent Pigment Darkening), amplamente utilizado pelas empresas dermocosméticas – que indica pelo número de “+” o índice de proteção UVA.

PA+: baixa proteção contra os raio UV-A. PPD de 2 a 3,99

PA++: média proteção contra os UV-A. PPD de 4 a 7,99

PA+++: alta proteção contra os UV-A. PPD 8 ou maior.

A União Européia utiliza outra forma de apresentação desse mesmo método PPD, identificando o valor real do fator (PPD10, por exemplo) ou ainda acompanhado deste símbolo:

E o valor mínimo para proteção UVA encontrado é de 1/3 do FPS. Por exemplo: se o FPS é 30, então o mínimo recomendado (norma adotada inclusive pela Anvisa no Brasil) é de 10.

Fotoestabilidade: Outro ponto importante declarado por norma é que os fatores de proteção se mantenham os mesmos durante todo o período de proteção, isto é, durante as 2 horas recomendadas de durabilidade do fator de proteção, esses valores identificados em rótulos devem ser garantidos pelos fabricantes. Nós consumidores exigimos e agradecemos.

Bom gente, é isso. Tentei escrever da maneira mais simplificada para que todos os leigos, como eu, possam compreender.

PS.: Não confundam com FPS 50+, pois a União Européia não permite que os fabricantes indiquem o valor real do FPS caso o protetor tenha mais do que 50. Esse + é apenas para isso, portanto se enquadra na proteção UVB.

logo mag

Conheça a diferença entre UVA e UVB

Summer-Vacations-For-Girls-WallpaperEm contato com a nossa pele, os raios ultravioletas (UV) causam uma série de consequências negativas como queimaduras de pele a curto prazo, e problemas ainda mais sérios a longo prazo. Os raios UVA e UVB têm atuação diferente no nosso organismo, funcionando assim:

Raios UVA: São os raios que incidem o ano todo e têm ação mais profunda, sendo a grande geradora do fotoenvelhecimento da pele. Por sinal o “A” é justamente por essa função aging, de envelhecimento.

Raios UVB: São raios de ação mais imediata e nas camadas mais externas da pele, atuando especialmente nos horários de maior insolação do Verão (entre 10 e 15 horas). São esses raios que causam a queimadura e vermelhidão da pele e, por isso, o “B” de burning, que significa queimando. Os raios UVB são os mais perigosos, pois nossas células naturalmente se multiplicam, e a cada nova célula gerada existe uma chance de que essa contenha algum tipo de mutação que pode se tornar até mesmo um câncer. É aí que entram os raios UVB: eles aceleram o envelhecimento das células e as chances das mutações, isto é, multiplicam as chances de aparecer o câncer de pele.

Para nos protegermos dos raios UV alguns cuidados devem ser tomados: uso de proteção mecânica (óculos, roupas, chapéus) e química (protetores ou bloqueadores solares). E é importante ressaltar que mesmo em dias nublados e/ou de chuva esses raios continuam atuando, por isso os cuidados serão os mesmos, ok?

logo mag

Qual a diferença entre protetor e bloqueador solar?

Verão chegou com tudo (calor infernal!) e ainda tem gente que se questiona qual a diferença entre protetor e bloqueador solar. Eu mesma já me vi respondendo essa pergunta umas 50x em farmácias, lojas e tudo mais, pois não é difícil encontrar vendedores falando bobagem para os clientes para que comprem o produto que eles querem vender.

Pois bem, existe diferença sim! E ela basicamente consiste entre o tipo de proteção contra os fatores UVA e UVB e  a insolação.

Protetor solar (ou filtro solar): como o nome já diz, ele serve como uma peneira, deixando parte da radiação passar para a pele. Protetores são os que permitem que nossa pele fique bronzeada, ainda que protegida. Devem preferencialmente ser passados entre 20 e 30 minutos antes da exposição, a fim de que sejam completamente absorvidos e façam total efeito;

Bloqueador solar: Além de proteger, ele cria uma película que impede a passagem da radiação desde o momento em que entra em contato com a pele. Quem quiser se bronzear deve evitar esse tipo de produto.

Uso com hidratante: há quem goste de passar hidratante antes da proteção, mas é importante lembrar que apenas no caso de protetor solar assim está correto. Para bloqueadores o hidratante deve ser usado depois, pois o bloqueador sempre deve estar em contato direto com a pele, ok?

O número do FPS (fator de proteção solar) significa quantas vezes a proteção natural da sua pele está sendo multiplicado com o uso do produto, portanto produtos com FPS até 30 são protetores e acima desse fator são bloqueadores, de maneira bem simplificada. Segue a tabela que a L’Oreal Paris fez de acordo com a resolução da Anvisa:

article-fps-graph

 

No próximo post vou explicar a diferença entre UVA e UVB, aguardem!

logo mag

Protetor com base do coração: Episol Color!

Sou fã de carteirinha da Episol, pois é uma linha que tem preço acessível (relativamente, tá) e boa qualidade. Já usei o protetor sem cor para peles oleosas e gostei, mas quem ganhou meu coração mesmo foi esse, o color.

epcolor 01

Parto do princípio que quanto menos produto melhor e mais saudável a pele ficará, então especialmente em dias comuns gosto de usar um bom protetor com base. Quando minha dermatologista indicou esse e me deu uma amostrinha foi amor a primeira vista (ou seria primeiro teste? rs) e fui para a farmácia comprar um. O meu já está no finalzinho e ainda estou na dúvida sobre o que fazer rs

epcolor 02

epcolor 04

Ele tem a textura cremosa, cobertura média/alta e um cheirinho delicado. Não gosto muito é da embalagem, pois às vezes perco a mão, aperto demais e preciso de um potinho para guardar o que sobrou para não jogar fora. Geralmente uso um dos potinhos de lentes de contato que tenho.

epcolor 03Às vezes gosto até de deixá-lo semi-aberto para que engrosse um pouquinho. Vira um corretivo excelente!

epcolor 05

O acabamento dela é semi-brilho, então uso sempre pó. Infelizmente ele não é exatamente da minha cor, na verdade no inverno ele cai super bem, mas no verão já fica um pouquinho mais claro ainda que eu não vá tomar sol, mas com esse calor infernal que o Rio de Janeiro faz e temperaturas de até 45ºC seria até pedir demais, né? rs Ele está disponível apenas em 2 cores, o claro e o escuro, o que particularmente acho ridículo de tão pouco.

Esse protetor transfere que só Jesus, mas tem boa fixação (4h), que é o tempo que um protetor atua mesmo. Se for continuar na rua deve ser reaplicado. Para quem sai de manhã, fica trancado numa sala o dia todo e só sai de lá à noite basta passar um primer antes dele que vai ficar lindinho o dia todo.

Dá para usá-lo de dia com alegria devido ao FPS 30 e de noite como uma base bem legal.

A nota dele é 7,5, pois poderia transferir menos e dar algum controle maior na hora de tirar o produto da embalagem. Ou alguma maneira de recolocá-lo! E ter mais cores, né?!

Alguém mais usa? Quais protetores com base gostam mais?

Beijinho!

logo mag